terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Tempo de mudanças

 Por:
(*) Carlos Luquetti

Acredito que todos nós estamos sofrendo os efeitos da crise econômica mundial. Este fenômeno nos traz novos aprendizados, como por exemplo, lidar com as mudanças que ocorrem em nossas vidas.
Estas mudanças estão presentes em nosso processo existencial cada vez com maior freqüência e intensidade.
Esta nova condição gerada na crise é fruto de um mundo cada vez mais globalizado e, como conseqüência maior, as pessoas estão ficando cada vez mais intolerantes e menos apegadas a certos valores.
O consumismo às vezes, tende a se tornar uma válvula de escape diante de certas angústias.
Para a grande maioria, é extremamente difícil aceitar, encarar e participar do processo de mudanças, talvez, por se sentirem inseguras.
O estado de comodidade anterior também é um grande empecilho. É exatamente sobre este quadro momentâneo que queremos discorrer algumas palavras com intuito de incentivar cada leitor a melhor lidar com as mudanças que lhe ocorreram ou que ainda podem se manifestar.
As mudanças geralmente estão centradas na vida pessoal, profissional ou financeira, porém, devemos ter em mente que as mudanças ocorrerão com o nosso consentimento ou não, assim sendo, é melhor entendermos que podemos crescer e tirar proveito das mudanças.
O primeiro passo é fazer uma análise real de si mesmo, estar constantemente atualizado sobre tudo que ocorre a sua volta, principalmente no seu ramo de atividade.
A reflexão sobre a sua importância como pessoa, profissional, pai de família, mãe, adolescente, etc., dentre outras condições é fundamental, principalmente por saber que outras pessoas dependem de você e sempre estarão esperando o melhor de cada um de nós.
Por isso é necessário termos sempre o controle da situação. Nunca esperar nada dos governos, da economia, dos patrões. Nós é que somos a energia que canaliza tudo o que vem até nós. Conhecer a si mesmo é uma poderosa ação para a motivação e o sucesso.
Como diz um velho ditado milenar... “Não há vento favorável para quem não sabe para onde está indo”.
Você... Sabe o que quer?...
Um bom começo é reconhecermos aquilo que nos realiza, aquilo que nos dá satisfação.
Rever conceitos e opiniões sobre certos assuntos também é necessário para enfrentar e promover mudanças satisfatórias em nossas vidas.
Transformar uma vida comum numa vida de êxito começa exatamente com a mudança dentro de nós e isto nos fará fortes para enfrentar as adversidades.
Eis o momento de preparar nosso espírito para os novos desafios. O tempo de mudanças chegou. Comece você mesmo a fazer a sua mudança. Transforme as dificuldades em oportunidades.
O nosso futuro é o retrato do que escolhermos agora, no presente.

concordo c/ Carlos gostei da materia e postei aqui pra vcs lerem!
beiiijoosss

2 comentários:

Luciana Klopper disse...

saudades de vc!

Hod disse...

Olá Milli,

Conteúdo pra lá de bom, cabem muitas reflexões.

Forte abraço abraço amiga.

Estou participando da bloggincana Janeiro 2010.

Alôha com muitas bençãos,

Hod.